NABShow: DJI apresenta RONIN 2

A DJI apresentou hoje o estabilizador de câmeras Ronin 2, com mais robustez e torque para câmeras maiores, além de versatilidade de uso em qualquer situação, e provido de funções mais inteligentes para movimentos de câmera arrojados.

 

“O redesenhamos completamente para que ele possa atender às demandas atuais dos operadores de câmera profissionais. O Ronin 2 torna fáceis a gravação de planos sequência complexos, mesmo nas mais variadas situações”, declarou Paul Pan, Gerente de Produto DJI Sênior.

 

O novo equipamento da empresa líder mundial em tecnologia de gravação com finalidades criativas tem uma maior estrutura para câmara ( “gaiola”) e braços extensíveis de 50 mm com ampla capacidade de sustentação, sejam desde DSLRs a até conjuntos cinematográficos completos.

 

Os potentes motores do estabilizador têm torque suficiente para mover com cargas de até 30 libras (13,6 kg), quase o dobro do Ronin. E com a ajuda de um GPS incorporado, o Ronin 2 oferece a mesma precisão subpixel de 0,02 graus à que os usuários estão acostumados com o primeiro Ronin, mesmo que ele esteja em deslocamento de até 120 km/h.

MAIS SUPORTES E NOVAS FUNÇÕES

Com uma  empunhadura nova e desmontável, o Ronin 2 traz a possibilidade de ser adaptado e instalado em todos os tipos de suporte de câmera utilizados no mercado pelos diretores.

 

Desde soluções de mão básicas e portáteis a até o Ready Rig, além de Cable Cams, suportes em veículos e drones, o Ronin 2 oferece uma ampla flexibilidade criativa. Um novo modo de operação em dois eixos para a instalação em Steadicams permite momentos únicos e criativos que antes eram impossíveis de alcançar.

 

O suporte de desencaixe rápido facilita passar de uma cena a outra, sem cortes ou interrupções, dando aos diretores mais liberdade para explorar todas as possibilidades de controle de estabilização de imagem. O novo sistema de controle à distancia com banda dupla 2,4/5,8 GHz minimiza interferências ao controle total quando o Ronin 2 é operado remotamente, mesmo que a operação provenha de duas pessoas a uma distância aproximadamente de 1,5 km.

 

O aplicativo de celular da DJI para controle do estabilizador também foi atualizado e dotado de uma interface gráfica mais intuitiva e de fácil uso. Foram incluídos novos recursos voltados para executar com facilidade movimentos de câmera complicados que anteriormente exigiam a participação de profissionais especializados ou equipamentos extra, graças às inovações nos modos Panoramic; Timelapse; e a atualização do sistema inteligente SmoothTrack.

 

Com o modo CamAnchor, por exemplo, os operadores podem gravar rapidamente uma sequência específica de posicionamento do estabilizador para pontos específicos, e, assim, recuperá-la sempre que isso for necessário com um simples toque, ainda que o equipamento esteja em deslocamento.

 

 

COMPARTILHE